Indice


Amor e Sexo


Bíblicas


Mágicas


Sorte

A SORTE

Volume I

   A Sorte é um enigma que desafia o homem ao longo de toda a sua vida. Por séculos ele vem tentando conquistar essa senhora caprichosa, apelando para tudo ao seu dispor, desde o fruto da sua observação da natureza, até a repetição de rituais consagrados pelo uso porque um dia deram resultado.

   A certeza geral, no entanto, é que ela é inconstante e volúvel. Para garantir sua atenção e sua permanência, é preciso recorrer a forças poderosas e mágicas, que devem ser manipuladas para afastar o azar e as forças negativas, obstáculos permanentes à aproximação e chegada da Sorte.

   Caprichosa, volúvel e inconstante, não importa como ela age. O importante é saber que ela pode estar presente, beneficiando aqueles que nela acreditam e que fazem o que for necessário para atraí-la, seduzi-la e conquistá-la. Se o prêmio por isso é grande e bom, por que não arriscar?

   Para alguns, isso era e é pura superstição. Para quem já experimentou com êxito uma simpatia adequada, é uma verdade. Para quem está indeciso em recorrer a uma delas, uma esperança.

   De qualquer forma, é sempre uma chance nova de mudar radicalmente a vida, passando a ter e gozar tudo aquilo que alimenta em seus sonhos. O que se tem a perder, senão o azar?

   PARA MANTER A SORTE

   Se tudo está dando certo em sua vida, isso significa que seus caminhos estão abertos e a sorte transita por eles sem maiores problemas. Isso pode durar algum tempo, tanto quanto pode passar de uma hora para outra, pois um caminho exige muito trabalho e muita dedicação para permanecer limpo o tempo todo. Basta ume leve descuido e as ervas daninhas começam a brotar nele.

   É preciso que se esteja atento o tempo todo, agindo na hora certa para providenciar a limpeza ao menor sinal de azar. Para isso, faça a seguinte simpatia.

   Na primeira sexta-feira do mês, faça três tranças com três folhas palmeira ou coqueiro, depois trance-as numa só, formando uma coroa. Prenda-a atrás da porta do seu quarto e cubra com um pano vermelho.

   Na primeira sexta-feira do mês seguinte, assim que o sol nascer, queime essa coroa e providencie outra, pondo-a no mesmo lugar. Troque também o pano usado para cobrí-la.

   PARA TER SORTE EM VIAGENS

   Se você vai fazer uma viagem longa e está com certo receio ou insegurança em relação a ela, atraia toda a sorte possível preparando um amuleto cigano muito antigo, muito usado nos tempos do Império, quando as viagens eram perigosíssimas e feitas em lombo de animais. Hoje, com nossas estradas igualmente perigosas, a simpatia tem a mesma força.

   Pegue três moedas de prata, embrulhe-as num lenço de seda vermelho, uma sobre a outra, com as caras voltadas para cima. Enrole o lenço, formando um cordão e dê um nó bem rente às moedas para que elas fiquem presas.

   Mantenha esse amuleto dentro de sua mala de viagem. Não o tire de lá durante toda a viagem, nem quando chegar ao seu destino. Ele só deve ser desmanchado quando a viagem terminar.

   PARA ATRAIR A SORTE

   Esta simpatia é um pouco trabalhosa, mas tem sido registrada com muita freqüência ultimamente. Isso é fácil de entender, pois nos momentos de crise, as pessoas recorram a ela para atrair sorte, já que o azar, neste final de século, parece ter se multiplicado.

   Como as simpatias nunca nos deixam na mão, nada melhor que fazê-las para nosso benefício. Para atrair sorte, faça esta.

   Num domingo à noite, coloque sete jabuticabas maduras e coloque-as numa vasilha com água benta, deixando-a por toda a noite. Na segunda-feira, pegue-as, seque-as e ponha-as no seu bolso direito, às sete horas da manhã.

   A partir daí, a cada hora ímpar (nove, onze, treze...), retire uma delas e passe-a para o bolso esquerdo. Às nove horas da noite você terá feito as mudanças. A cada jabuticaba que comer, diga três vezes o seguinte:

"Acaba jabuticaba,
mas a sorte não acaba!"

   Retire essa peça de roupa, pendure-a atrás da porta de seu quarto, mas não deixe a porta trancada ou fechada nesta noite. No dia seguinte, vista a mesma roupa e a partir das sete horas da manhã e a cada hora ímpar seguinte, coma uma das jabuticabas, com casca e tudo, guardando as sementes, que deverão ser guardadas no bolso direito.

   A cada jabuticaba que comer, repita três vezes:

"Acabou de repente,
mas deixou sua semente!"

   Às nove da noite, após comer a última jabuticaba, pendure de novo a roupa atrás da porta, que deverá ficar trancada nesta noite. Na manhã seguinte, antes das sete horas, enterre todas as sementes num jardim ou num vaso de flores.

   Verá que em menos de sete dias já terá sinais de mudança na sua sorte. Não conte a ninguém.

   PARA DAR SORTE PARA ALGUÉM

   Se você está com sorte, não hesite em deixar que outros se beneficiem dela. Dizem os antigos que a sorte é como uma planta que precisa ser podada para crescer sempre mais forte. Os brotos que você poder de sua árvore de sorte não devem ser desperdiçados. Dê-os às pessoas amigas ou queridas.

   Uma das mais comuns é você pegar sete galhinhos de arruda e pô-los no bolso esquerdo de sua roupa, mantendo-as aí até se encontrar com uma pessoa a quem queira passar um pouco de sua sorte. Quando isso acontecer, dê-lhe um dos galhinhos.

   PARA TRAZER A SORTE PARA SUA VIDA

   Se a situação anda complicada em sua vida, porque não convida a sorte para lhe fazer uma visita? Pode ser que ela atenda seu pedido, venham goste da visita e acabe ficando. Quer saber como fazer isso? É fácil.

   No primeiro dia do mês, antes do sol nascer, pegue nove folhas de arruda e com uma agulha e linha branca fure-as no centro, depois dê um nó na linha formando um colar rústico.

   Coloque esse colar aberto sobre um espelho e deixe-o num local onde o sol se reflita, logo após seu nascimento. Após isso, cubra-o com um pano vermelho e coloque sobre o travesseiro de sua cama. Ao anoitecer, queime o colar numa fogueira.

   Observe sua sorte mudar para melhor ao longo dos próximos nove dias.

   PARA TER MAIS SORTE AINDA

   Pode parecer muito egoísmo, mas esta simpatia é muito interessante, pois demonstra que a sabedoria popular sempre esteve atenta a todas as situações. Uma pessoa que já tem sorte deveria se preocupar em não perdê-la, em repartí-la com os outros e, por que não, até em aumentá-la.

   Este é o objetivo específico desta simpatia. Se você anda com muita sorte ultimamente, numa segunda-feira, após as sete horas da manhã, pegue uma nota graúda e ponha no seu bolso direito. Desse momento e até às sete horas da noite, troque as notas de forma que possa passar o máximo de notas unitárias (R$ 1,00) para o bolso esquerdo, não ficando com nenhuma nota superior a este valor.

   Se não conseguir trocar todas as notas, pendure essa roupa atrás da porta de seu quarto e mantenha-o trancado durante a noite. Na segunda-feira seguinte continue, até que tenha trocado a nota graúda por notas de R$1,00.

   Não é necessário utilizar uma nota de R$ 100,00. Você pode fazer a simpatia com uma de R$ 10,00 ou mesmo de R$ 5,00. Quando terminar de fazer a troca, coloque-as sobre uma bíblia e sobre elas acenda, num pires branco, uma vela branca. Ofereça-a a seu Anjo da Guarda, pedindo sorte.

   PARA SORTE EM GERAL

   Dizem que a sorte é para quem tem e não para quem quer. Este ditado muito conhecido tem sido, aos poucos, desmentido, uma vez que já ficou comprovado que todos têm sorte. A questão é a maneira como sua sorte funciona em particular.

   Ter sorte em ganhar rifas não é nada comparada à sorte de ter uma família sensacional. Ter sorte para ganhar no bicho não é a mesma coisa que ter a sorte de fazer um bom casamento.

   São, portanto, níveis diferentes de manifestação da sorte. Se você deseja que sua sorte se manifeste em todos os sentidos, plante uma figueira. A cada galho que for crescendo, nomeie-o com um tipo específico de sorte que deseja que se manifeste.

   Cuide bem dessa planta e seja sempre o primeiro a comer o primeiro fruto que amadurecer a cada ano. Seja bem rigoroso nesse aspecto. Se um pássaro vier bicar e comer o primeiro figo, não se preocupe. Ele comerá a parte do azar e deixará o que for da sorte.

   PARA TER SORTE COM PARENTES

   Muita gente teve seus problemas financeiros resolvidos de uma hora para a outra com a ajuda de um parente ou até com o recebimento de uma importante herança. Com isso suas vidas mudaram da noite para o dia, radicalmente.

   Uma herança, porém, não é um meio agradável de resolver problemas financeiros, mas não deixa de ser um golpe de sorte, afinal de contas.

   Sem desejar o mal para os seus parentes, colecione fotografias e pequenas recordações deles, procurando manter contato com todos. Escreva cartinhas e, ao assinar, termine sua assinatura como se fosse uma cobrinha.

   PARA TER SORTE NA CASA NOVA

   Toda mudança gera incerteza e insegurança, mas muitas vezes ela se torna necessária para que se comece uma nova fase na vida. Ao fazer isso, é preciso não deixar que nada do fase anterior permaneça, pois senão acabará se impondo e destruindo todas as energias positivas da nova mudança.

   Se você vai se mudar para uma nova casa, não leve as lâmpadas, nem leve pregos ou parafusos que tirar das paredes de sua casa. Use tudo novo.

   Da mesma forma, na nova casa, percorra todos os cômodos,

   examinando atentamente. Retire e jogue no lixo todos os parafusos e pregos que encontrar nas paredes e portas, principalmente pregos tortos e enferrujados.

   Em hipótese alguma utilize pregos tortos para pendurar suas roupas, principalmente atrás de portas. Compre um desses suportes fáceis de instalar e práticos, com cobertura de plástico, que não retém energias negativas.

   PARA TER SORTE NO VESTIBULAR

   O vestibular é uma verdadeira loteria, onde nem sempre os mais esforçados e estudiosos acabam passando. Há pessoas que se deixam dominar pelos nervos, que não sabem explorar sua sorte, que acabam perdendo a chance por detalhes mínimos de distração, por exemplo.

   Se você vai para o vestibular sentindo-se bem preparado, feche toda a qualquer possibilidade de falha, levando consigo um prego de aço novo.

   Não deixe que ninguém o veja nem o toque e mantenha-o num bolso à altura do peito ou preso numa corrente de ouro ou prata.

   PARA SORTE NOS EXAMES

   Fazer um exame no final do ano, principalmente quando se precisa de uma certa nota, vai exigir da pessoa o uso de suas habilidades e conhecimentos, além da manifestação de sua sorte para que nada dê errado.

   Uma forma de precaver-se contra qualquer imprevisto nesses casos é levar para o local do exame um casulo de bicho da seda. Deixá-lo sobre a carteira, não se importando que seja tocado ou examinado pelas pessoas.

   PARA SORTE NA MESA

   O essencial já tem sido difícil de se ter à mesa, quanto mais uma variação ou outra. A qualidade da alimentação do nosso povo mudou radicalmente. Você pode perceber a ausência do arroz e do feijão nas mesas, mas com certeza não deixará de ver produtos importados, num paradoxo difícil de entender.

   O que vale a pena, no fim das contas, é ter uma mesa farta, com uma alimentação que supra as necessidades de cada membro da família e isso não é fácil.

   Para evitar o azar nesse aspecto, tome alguns cuidados. Jamais guarde panela ou vasilha com a boca para baixo, nem molhadas. Deverão ser guardadas sempre de boca para cima, de preferência com suas tampas e muito bem enxutas. Se for uma panela de ferro, seque-a totalmente, pondo-a de volta no fogão, sem nada dentro.

   PARA SORTE COM CARRO USADO

   A pessoa muitas vezes economiza por um longo tempo para conseguir juntar o dinheiro e comprar seu carro próprio usado.

   O que deveria ser uma felicidade acaba se tornando um pesadelo, pois o carro começa a dar problemas e tudo se complica, com o prejuízo aumentando e a dor-de-cabeça também, porque logo vai aparecer alguém para criticar sua escolha e decisão.

   Para que isso não aconteça, quando for examinar o carro, leve consigo uma varinha de madeira ou mesmo bambu. Contorne o carro três vezes da esquerda para a direita, tocando-o nos quatro lados com a ponta da varinha, depois entre nele.

   Se sentir qualquer mal estar, desista da compra. Se sentir alegre, pode fechar o negócio. Se ficar indiferente, reflita um pouco mais.

   Como prevenção e caldo de galinha não fazem mal, leve-o para um mecânico de confiança examinar.

   PARA PRENDER A SORTE

   Todos têm direito à felicidade. O cidadão comum, que sofre ao eleger inadvertidamente seu próprio feitor e carrasco, o vampiro que se alimentará de seu suor, merece um pouco de consolo pelas promessas não cumpridas, pela ajuda que jamais virá.

   Para que a sorte venha até você e permaneça, passe mel num cartaz de propaganda política de um candidato qualquer, depois dê-o para um bode comer.

   Quarenta e oito horas depois, raspe um pouco de cada um dos chifres do bode com uma faca de capar, recolha num papel branco, dobre em quatro e enterre do lado de dentro de seu portão.

   Quem mora em apartamento poderá enterrá-lo num vaso de flores, desde que ele não tome os primeiros raios de sol da manhã.

   PARA A FALTA DE SORTE

   Se o seu problema ultimamente tem sido a falta de sorte, seja no amor, nos jogos, nas finanças, ou na saúde, esta simpatia lhe ajudará a virar esta situação. Faça o seguinte:

   Em uma sexta-feira de Lua Cheia, assim que a lua aparecer, pegue três pétalas de uma rosa vermelha, três moedas de um mesmo valor e três folhas de arruda.

   Coloque tudo dentro de um lenço vermelho, enrole e dê um nó, depois enterre num jardim florido.

   PARA DAR SORTE AO FILHOS

   Quando uma criança nasce, os pais, avós, tios, padrinhos, todo mundo, enfim, desejam a ele muita sorte e podem personificar esse desejo com uma simpatia bem simples.

   Dê a ela uma moeda do ano do nascimento, ou uma pedra do signo dela ou um outro objeto qualquer, que o doador entenda que dê sorte. O importante é personificar os votos de boa sorte.

   Assim, quando visitar uma criança recém-nascida, personifique seu desejo de sorte na forma de um amuleto que ela deverá guardar pela vida toda. Essa recomendação deve ser passada para os pais.

   Um dos amuletos mais poderosos, embora muito pouco conhecidos e usados, é dar criança uma jóia de prata ou ouro simbolizando um galo ou um gavião. Qualquer um deles atrairá sempre boa sorte a quem o recebeu quando criança.