Indice


Amor e Sexo


Bíblicas


Mágicas


Sorte

 

SIMPATIAS MÁGICAS

ORAÇÕES

       Desde os mais remotos tempos, quando o homem ainda não entendia os fenômenos da natureza e atribuía a cada um deles a manifestação da força ou da vontade de um ente superior ou divindade, ele aprendeu a render algum tipo de homenagem a essa presença cuja natureza ele desconhecia.
    Possivelmente uivos e grunhidos tenham sido a forma primitiva de manifestação dessa homenagem, além de sacrifícios e rituais que aos poucos foram se disseminando.
    Nesse contexto, as orações foram se tornando cada vez mais comuns. Mesmo um sacrifício ritual, sempre envolvia algum tipo de oração, quando a oferta era feita. As fórmulas fixas surgiram como forma de padronizar e facilitar. Os conceitos religiosos, à medida que foram se tornando mais acessíveis, deram origem a novas orações, todas logo incorporadas ao repertório popular.
    O reconhecimento e aprovação da Igreja para alguns santos, em detrimento de outros, não impediu que orações apócrifas surgissem nas camadas mais incultas, que buscavam, dessa forma, manifestar seu misticismo e pedir o auxílio daquelas personagens ou entidades que estavam ao seu alcance e eram de seu conhecimento. Isso apenas veio enriquecer ainda mais as Simpatias Mágicas.
    Ao se recolher consigo mesmo, postar as mãos, pôr-se de joelhos e levantar os olhos para o céu, em busca da divindade, o homem descobriu a fórmula miraculosa de estabelecer e manter contato com o plano superior, aliviando suas angústias, buscando paz, consolo e soluções para os mais diversos problemas.
    À medida que criava divindades, santos, santas e entidades a quem recorrer, o homem criou para cada uma delas uma oração específica. A reunião de todas aquelas que hoje são conhecidas daria para encher volumes e mais volumes dos mais grossos livros.
    Algumas permaneceram, quase que santificadas, como o Pai Nosso, a Ave Maria, o Credo, o Salmo 23 e tantas outras, principalmente aquelas derivadas do cristianismo, muito embora cada religião tenha suas orações ou sua forma de orar.
    A fé e a confiança na providência divina sempre foram ingredientes poderosos, fazendo das orações as mais usadas e comprovadas simpatias de toda a história do homem.
    Atendendo a todos os campos da vida humana, as orações, antes de mais nada, representam a linguagem comum entre o homem e a entidade a quem ele pede ajuda, complementada pelo uso de uma vela e outros ingredientes, específicos para cada momento.
    As orações e rezas são, nas Simpatias, um de seus mais ricos e variados ramos, apresentando soluções para todos os tipos de situação, desde a cura de uma doença até a proteção contra o mal e as entidades negativas.
    Por muitos séculos restrita às camadas mais humildes da população, muitas delas perderam importantes detalhes do sentido original na transmissão via oral, de pai para filho. Quando passaram a ser escritas, ainda assim se registraram e se registram variações de toda sorte.
    Como nas demais simpatias, nas orações e rezas o componente principal é a fé com que são feitas, não podendo ser obra da curiosidade ou da mera experiência só para ver se dá certo. Os planos superiores entendem facilmente a verdade que está em nossos corações, por isso é tolice querer enganá-los.
    Nesse repertório tão vasto, vamos encontrar algumas formas de rezas e orações realmente curiosas e que devem ser realizadas sempre com muita cautela e da forma como for recomendada, pois qualquer brincadeira com isso pode provocar resultados negativos de difícil previsão e controle.
    Com o coração despido de maldade e sem a intenção de prejudicar o próximo faça bom proveito de algumas dessas orações.


SIMPATIAS


1 PARA DESMANCHAR O MAL

   Todos estão sujeitos a serem atacados pelo mal, principalmente a mando de alguma pessoa invejosa ou a quem ofendemos, mesmo sem querer, que buscam, com isso, uma vingança.

   Uma das simpatias mais fortes ainda hoje existentes é a Simpatia do Pai Nosso Invertido, cuja ação contra o mal é das mais poderosas e definitivas, pois o faz retornar para a pessoa que o provocou.

   Para identificar os casos em que se deve usar essa simpatia, pegue uma garrafa transparente, encha-a com água da torneira, beba sete goles, depois complete de novo a garrafa, tampe-a, embrulhe-a num pano preto e guarde num local escuro e sem luz.

   Deixe ali por sete dias. Após isso, leve a garrafa para uma janela, colocando-a contra a luz do sol. Se estiver turva, com alguma coisa estranha dentro, é sinal de que a simpatia deve ser feita.

   Para isso, à meia-noite em ponto de uma sexta-feira de Lua Cheia, com uma janela aberta dando para o lado do nascente, acenda uma vela preta e reze da seguinte forma:

   "Amém. Mal do nos livrai mas. Tentação em cair deixeis nos não e, ofendido tem nos quem a perdoamos nós como assim ofensas nossas as nos perdoai; hoje dai nos dia cada de nosso pão o. Céu no como terra na assim, vontade Vossa a feita seja, reino Vosso o nós a venha, nome Vosso o seja santificado, céu no estais que, nosso pai."

   2 PARA OBTER UMA GRAÇA

   Uma das orações mais conhecidas, da qual existem inúmeras variações, é a das Treze Almas Benditas, feitas com o fim específico de se obter uma graça, normalmente de difícil obtenção. O poder dessas almas tem sido constantemente testado e a todos elas têm dado mostras de estarem irmanadas com o Cristo e com o Criador, atendendo às súplicas mais desesperadas.

   Deve ser rezada às treze horas em ponto, iniciando-se no dia treze do mês, sendo repetida por treze dias seguidos. Todo dia, após rezá-la, acender uma vela branca no quintal de sua casa ou em qualquer outro local fora dela, ofertando-a às almas.

   É a seguinte a Oração das Treze Almas Benditas:

   "Treze almas benditas, em nome de Cristo, atendei meu pedido! Sabidas e entendidas, vos peço em nome do sangue de Cristo, derramado por nós no Calvário. Almas benditas, pelas lágrimas de Cristo, derramadas no Calvário, eu vos peço: atendei meu pedido. Que assim como o sudário cobriu o corpo sagrado, também o manto de Cristo me cubra com sua proteção, livrando-me do mal e das tentações, concedendo-me a graça de... (citar graça solicitada).Treze almas benditas, em nome de Cristo, agradeço a sua ajuda. Sabidas e entendidas, jamais permitirão que meu sangue seja derramado, senão pela glória de Deus e que minhas lágrimas apenas derramadas também pela glória de Deus. Amém."

   Após ter feito a oração por treze dias seguidos, faça treze cópias manuscritas desta simpatia e entregue na rua a treze pessoas que você não conheça.

   3 PARA ESMORECER UM INIMIGO

   Ter um inimigo é um péssimo negócio, pois é alguém que estará constantemente conspirando contra nós. Seus fluídos negativos estarão constantemente em nosso encalço e quer queiramos ou não, sempre acabam provocando algum mal.

   Livrar-se deles pode ser difícil, a menos que se use uma simpatia adequada, como a famosa Oração da Coroa de Cristo, pródiga em fazer com que a agressividade e o ânimo de um inimigo esmoreçam rapidamente.

   Rezá-la durante sete dias, sempre ao meio dia, diante de três velas brancas, pois em três pires, dispostos num triângulo. É assim:

   "Coroa do Cristo vivo, coroa do Cristo morto, coroado Cristo crucificado, coroa do Cristo ressuscitado. Pela coroa do sangue e pela coroa da dor, martírio de Cristo no Calvário, eu peço que a sanha de meu inimigo... (citar o nome da pessoa) seja abrandada e que se afaste dos meus caminhos e jamais ande de novo em minha retaguarda. Pela coroa do Cristo morto pelos nossos pecados, que haja paz no coração de meu inimigo e no meu também."

   Rezar um Pai Nosso e três Ave Maria em seguida. Repetir em nove dias alternados.

   4 PARA PERTURBAÇÕES ESPIRITUAIS

   Se você vem ouvindo vozes, vendo vultos, esquecendo coisas e deixando as pessoas preocupadas ao seu redor, é hora de parar. Verifique dentro de seu travesseiro se há alguma coisa estranha. Se tem uma mala com roupas que não esteja usando, abra-a e examine também, bem como seus calçados.

   Com certeza em algum desses locais você encontrará algo que não entenderá. É sinal de que deve fazer a Ladainha do Coração de Jesus.

   Como muitos já sabem, trata-se de uma das orações mais benéficas que deve ser feita nesses tempos atribulados do final do milênio, de preferência todo domingo à tarde ou segunda-feira cedo, conforme for a sua disponibilidade.

   Copie-a numa folha de papel até decorá-la, isto porque você pode repetir esta simpatia indefinidamente, mesmo quando estiver bom(a). Deve ser rezada ao ar livre, fora de casa, se possível descalço(a), pisando a grama ou a terra.

   É assim:

   "Coração de Jesus, tenha piedade de nós; Coração de Jesus, ouça as nossas súplicas! Se estamos cansados, repouse-nos; Se estamos cegos, alivia nossos olhos. Se nos pesa a cruz de nossa vida, Ajuda-nos a carregá-la.Se nos verga o sofrimento, Ensina-nos a suportá-lo. Forja-nos na caridade e no amor ao próximo, Abra-nos os caminhos da justiça e do amor. Afasta-nos dos abismos do vício e Ensina-nos as trilhas da virtude. Dá-nos a sabedoria e o discernimento, A santidade, a sorte e a consolação, Para que perdoados de nossos pecados Sejamos reconciliados com a graça do Criador. Dá-nos a esperança da vida eterna, Na glória do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Para que sejamos como Ele, Imagem e semelhança do Pai. Amém."

   A cada vez que rezar esta oração, faça uma cópia dela e dê-la a uma pessoa a quem você preze muito.

   5 PARA DESENVOLVER AS VIRTUDES

   Ao realizar uma oração, o crente coloca toda a sua fé na certeza de que obterá resultados. Ao pedir, muitas vezes ele pede para que a graça o atinja e ele possa se tornar uma pessoa ainda melhor e mais digna de ser chamada de filho de Deus.

   Dentre essas orações, uma das mais virtuosas, mas pouco rezada atualmente, pelo que se percebe ao nosso redor, é a Oração das Sete Graças do Espírito Santo, que deve ser feita do primeiro ao sétimo dia do mês sete (julho), às sete horas da manhã ou da noite, diante de sete velas acesas.

   Após ser rezada a oração, as velas devem ser apagadas e acesas de novo no dia seguinte. Só no sétimo dia é que elas devem ser deixadas para queimar até o fim.

   É a seguinte a Oração das Sete Graças:

   "Derramai, Espírito Santo, vossa bênção sobre mim, dando-me as sete graças, sete graças para mim. Dai-me a graça da Sabedoria para que eu saiba apreciar o que é belo e possa fugir do que é ruim. A graça da Inteligência, dai-me também Espírito Santo, para que eu saiba discernir a verdade. Quero também a graça da Força, para com ela enfrentar o mal e ajudar meus semelhantes. Preciso da graça do Conhecimento, para compreender a palavra de Deus e seus ensinamentos. Necessito da graça da Piedade, para ser autêntico nas minhas orações e na ajuda ao próximo. Nada serei sem a graça da Humildade, que me fará ver que nada sou sem as graças do meu Criador. Amém."

   6 PARA HUMILDADE

   A humildade é uma das chaves para a harmonia do homem com a natureza e com Deus. É demonstrando o quanto reconhece seu papel na vastidão do universo que o homem se enobrece, se enche de luz e se destaca ante os olhos do Criador.

   Uma das orações mais conhecidas e indicadas para essa demonstração sincera de humildade e reconhecimento ao poder de Deus é a famosa Oração de São Francisco de Assis, que fez de sua humildade a chave que lhe abriu as portas do céu. É assim:

   "Senhor, fazei-me um instrumento de Vossa Paz. Onde houver ódio, que eu leve o amor; onde houver ofensa, que eu leve o perdão; onde houver discórdia, que eu leve a união; onde houver dúvida, que eu leve a fé; onde houver erro, que eu leve a verdade; onde houver desespero, que eu leve a esperança; onde houver tristeza, que eu leve a alegria; onde houver trevas, que eu leve a luz. Ó Mestre, fazei com que eu procure mais consolar do que ser consolado, compreender que ser compreendido, amar que ser amado! Pois é dando que se recebe. É perdoando que se é perdoado. E é morrendo que se vive para a vida eterna, Amém!"

   Rezar esta oração todo mês, na primeira noite de Lua Cheia, diante de uma vela acesa e de um copo de água. Após a vela queimar-se, beba a água.

   7 PARA AFLIÇÕES

   Há momentos em que apenas os olhos misericordiosos de uma santa podem se voltar para nós e nos ajudar em nossas atribulações, de tão perdidos que ficamos. Poder ser um perigo imediato, uma doença grave ou qualquer outra situação quando tentamos nos apegar a algo sólido em meio à avalanche que se abate sobre nós.

   Nesses momentos, acode-nos sempre amorosamente a nossa Padroeira, Nossa Senhora Aparecida. Para fazer um pedido a ela, uma promessa ou um agradecimento, recorrer à Oração de Nossa Senhora Aparecida.

   "Minha Santa Bendita, Nossa Senhora da Aparecida, que das águas fostes tirada para lavar nossos pecados e nos guiar com sua luz! Consoladora dos aflitos e amparo dos pecadores, eu venho pedir-te, Mãe Amantíssima, que voltes teus olhos misericordiosos na minha direção, socorrendo-me em minha atribulação. Eu te imploro, Santa Bendita, Nossa Senhora da Aparecida, que me concedas a graça de... (citar a graça desejada), minha protetora, para que eu possa, em paz, louvar-te com todo o meu coração. Caso atendido(a), eu prometo... (fazer sua promessa), no prazo de ... (dias, meses ou anos). Mãe Consoladora, Rainha dos Aflitos, eu vos peço ainda que preserves teu(tua) servo(a), seus familiares e sua casa das doenças, das pragas, das discórdias, das tempestades e dos males que possa flagelar-nos. Livra--me das tentações e ilumina meu caminho para que eu possa louvar-te dignamente agora e para sempre, na glória do Pai, do Filho e do Espírito Santo, Amém!"

   Acender três velas brancas em três pires diferentes, ofertando-as à Santa. Se o assunto for grave, repetir em nove dias seguidos, sempre no mesmo horário. Quando obtiver a graça, faça nove cópias desta oração e dê-as a outras nove pessoas.

   8 PARA PROTEÇÃO CONTRA INIMIGOS

   Antigamente, nas batalhas, você sabia de onde vinha o inimigo e quem era o inimigo. Hoje em dia, isso já não é mais possível. Sem que você saiba, seu inimigo não declarado pode ser seu vizinho, seu colega de trabalho e até mesmo uma pessoa da família.

   Esse tipo de sentimento é como um roedor que vai minando suas resistências e abrindo caminho para a passagem de forças negativas de toda sorte. Para fortalecer-se, independente de ter ou não identificado a presença de inimigos, iniciar a Oração dos Inimigos no primeiro dia da Lua Minguante.

   "Pelas três cruzes do calvário de Cristo eu me protejo contra os cravos anônimos e os mercenários soldados que crucificaram o Mestre em seu suplício! Pelo sangue das chagas de Cristo eu me defendo das lanças inesperadas e dos ataques repentinos que desejam me martirizar. Pela rocha do sepulcro que abrigou o corpo de Cristo eu me oculto dos olhos traiçoeiros e dos olhares invejosos que abalam minha alma. Pela ressurreição do corpo de Cristo eu encontro a defesa maior contra tudo e contra todos que lançarem contra mim falso testemunho, acusações vis, traições torpes ou palavras mentirosas. Assim defendido, nenhum poder terão meus inimigos, que nada poderão contra mim. Jesus Cristo, valei-me em sua cruz! Virgem Maria, valei-me em seu sofrimento! Senhor meu Deus, valei-me na proteção de Seu manto, Amém!

   Fazer sempre por sete dias seguidos, todo mês, acendendo três velas a cada vez e rezando um Pai Nosso, três Ave Maria e o Credo em seguida.

   9 PARA AVALISTAS E FIADORES

   Hoje em dia é um perigo avalizar ou ser o fiador de alguém em alguma transação comercial. Com a crise financeira, as pessoas perdem toda a noção de decência e honestidade, pois quando o desespero bate, é preferível que o outro sofra do que ele, que se beneficiou do empréstimo.

   Muita gente tem amargado prejuízos, sacrificando sua família, por culpa de outros. Quando e se isso lhe acontecer, faça a Oração de Salomão durante sete dias, começando numa segunda-feira, diante de três velas acesas. Esta é a oração:

   "Senhor, fui fiador de meu companheiro e me empenhei em ajudá-lo, sem o devido reconhecimento. Estou enredado na dívida agora, sem que dele obtenha qualquer auxílio ou reconhecimento. Faze, Senhor, com que ele perca o sono como eu, não repouse como eu, não coma feito eu, não beba feito eu, nada faça sem antes vir se prostrar a meus pés e reconhecer o que lhe foi feito, assumindo seu papel. Se isso não acontecer, como ave sem rumo ou animal sem lar, assim ele deverá vagar, pela ingratidão cometida."

   Rezar um Pai Nosso e três Ave Maria. Ao fim do sétimo dia, reúna todos os restos de vela da simpatia, embrulhe num papel amarelo, amarre com uma fita preta e jogue no quintal da casa dessa pessoa.

   10 PARA TENTAÇÕES

   Não apenas o jovem, mas mesmo o homem experiente, a qualquer momento pode ter a fatalidade de se sentir atraído por uma mulher volúvel e sem caráter, capaz de estragar definitivamente a vida dele.

   Se isso está acontecendo com alguém que você conhece, faça

   a seguinte oração sete vezes por dia, durante sete dias, acendendo uma vela branca a cada vez.

   "Que ...(fulano) não cobice a formosura da mulher vil, nem se deixe prender nas teias de seu veneno. Ainda que o fogo arda em seu peito e se sinta andando sobre brasas, que... (fulano) rompa esse círculo de atração que o prende às lisonjas dessa mulher. Fazei, Senhor, com que ela seja execrada por sua infâmia e por seus atos e perceba o erro e a maldade que comete. Se assim for, que Sua compaixão e Sua bênção caiam sobre ela, assim como Jesus fez cair sobre Madalena."

   Após os sete dias, junte tudo que sobrou, embrulhe num jornal, juntamente com sal grosso, pimenta-do-reino e vinagre, amarrando com uma fita preta e dando sete nós cegos para arrematar.

   11 PARA UMA GRAÇA IMPOSSÍVEL

   A descrença nas autoridades constituídas tem popularizado cada vez mais esse tipo de simpatia. Sem meios de ter acesso ao trabalho, à saúde, à moradia, morrendo à míngua e vendo seus filhos irem pelo mesmo caminho, o povo busca o auxílio superior, único que os pode atender desinteressadamente e em quem confiam.

   Não percebem que, com isso, desequilibram o princípio básico das simpatias, que é o de fazer a sua parte. Apenas pedir pode não ser suficiente. É preciso compreender a força que possuem e usar o título de eleitor que lhes foi dado graciosamente para algo mais importante e sábio do que a troca por um simples sanduíche de mortadela ou uma dentadura nova.

   Ao se fazer uma oração como a que se segue, é importante que a pessoa tenha a consciência tranqüila de que fez, no mundo profano, tudo que estava ao seu alcance e que, agora, só a ação de uma santa misericordiosa como Santa Filomena pode ajudar.

   Diante de três velas brancas, rezar por três dias consecutivos, sempre no mesmo horário, a Oração de Santa Filomena.

   "Oh Castíssima Virgem! Oh intocada Mártir de Jesus Cristo, como Ele flagelada pelos algozes! Valei-me! Estou aqui, prostrado(a) de corpo e alma diante de vós, em quem confio para minha amorosa advogada, para que possa ser digno(a) de vossa poderosa intercessão junto ao Altíssimo, para solução de meus problemas espirituais e temporais. Bem sei que gozais do mais alto favor junto a Deus e à Virgem Santíssima, o que faz com que nada vos seja negado, nenhuma graça que Lhes pedis, como provam inúmeros prodígios que se operam continuamente pelo Onipotente e Misericordioso Deus por toda parte onde se acrescenta o vosso santo nome Filomena. Ele, por Sua sapientíssima providência, Vos escolheu para ser nossa esperança e nosso refúgio e auxílio nas horas de aflição e desespero, quando tudo mais nos falha. Vós sois o nosso socorro neste mundo de atribulações. Bendigo e glorifico o Senhor pela glória e poder com que hoje vos coroa. Protegei-me, minha adorada santinha, e fazei-me sentir os efeitos da vossa imensa caridade, alcançando-me a graça de que, com tanto urgência, necessito. Fazei com que...(pedir a graça desejada). Oh Deus, sede eternamente louvado e bendito em vossos santos."

   Em seguida a esta oração, rezar um Pai Nosso e três Ave Maria em louvor ao sangue da Mártir, terminando assim: "Santa Filomena, valei-me!"

   12 PARA UMA GRAÇA ESPECIAL

   Às vezes surgem problemas tão inesperados que a pessoa fica até atordoada, sem saber o que fazer nem a quem recorrer. São problemas de toda natureza, de saúde, de dinheiro e familiares.

   O desespero, nesse caso, é um inimigo que só serve para atrapalhar, aumentando os problemas que, se forem bem analisados, muitas vezes nem são tão sérios assim. De qualquer forma, é bom ter a quem recorrer num momento de atribulação.

   Em casos assim, uma oração muito respeitada é a de Maria Bueno, que, como a anterior, deve ser rezada em três dias seguidos, sempre no mesmo horário do dia, diante de três velas brancas.

   "Minha querida Maria Bueno, Espírito Iluminado, Mensageira de Cristo na Terra, junto às criaturas vulneráveis como nós! Eu venho pedir o auxílio certo para as minhas dificuldades, pois tenho certeza que serás a minha protetora e me ouvirás, como sempre fazes quando estou desamparado(a). Com a tua assistência, meu pedido não ficará no esquecimento. Imediata resposta obterei de ti. Portanto, confio e entrego em suas mãos espirituais o meu problema que é... (dizer o problema e a graça desejada).Maria Bueno, sinto o meu espírito tão agitado, desesperado, amargo como fel por esta provação que me invade. Ser de Luz, tenha pena de mim, ajuda-me como melhor achares, faze com que tudo chegue aos caminhos certos para que a alegria, a saúde e a paz voltem ao meu espírito atormentado. Por tudo, muito obrigado(a). Em troca de tua ajuda, prometo socorrer todos que tu mandares em meu caminho, Amém."

   13 PARA AGRADECER

   Muita gente tem o hábito de apenas recorrer ao Criador, seus santos e mensageiros nos momentos de atribulação, esquecendo-se de manter sempre aberto um canal de comunicação com o plano superior, numa demonstração simples de gratidão pelas pequenas coisas da vida e até pelo próprio cotidiano.

   Jamais devemos nos esquecer que a maior graça, essa que recebemos todos os dias, é a de viver. Por ela e pelas alegrias que ela nos traz, devemos demonstrar nossa constante gratidão. Uma das formas mais bonitas e agradáveis de fazer isso é a seguinte:

   Pelo menos uma vez por mês ou no máximo a cada três meses, vá a um local ao ar livre onde tenha relva, terra, árvores e água. Leve uma vela branca e acenda-a ao seu lado. Em seguida leia vagarosamente, pausadamente, com alma, fé e sentimento, o Salmo 23, da seguinte forma:

   "O Senhor é meu pastor: nada me faltará. Por Ele descanso em terra verdejante, junto ao repouso das águas, que refrigeram minha alma. Ele me guia pelos caminhos da justiça, onde Seu nome é amado. Mesmo que eu caminhe para o vale sombrio da morte, nenhum mal temerei, pois Ele estará comigo, consolando-me. Ele prepara a minha mesa diante dos meus inimigos e abençoa-me com a abundância. Sua bondade e Sua misericórdia me acompanham todos os dias da minha vida e com certeza habitarei o Reino do Céu para sempre."

   14 PARA AGRADECER UMA GRAÇA ALCANÇADA

   Praticamente todas as orações conhecidas trazem em seu bojo a maneira adequada para se demonstrar a gratidão pela graça alcançada. Algumas com velas, outras com a publicação da oração, outras rezando-se o Pai Nosso e a Ave Maria.

   Ocorre que, quando alcançamos uma graça, essa manifestação de gratidão pode e deve ser completada com uma oração específica, como é o caso da Oração das Sete Louvações, feita especialmente para que se demonstre a gratidão.

   Quando uma graça é conseguida, muitas vezes concorrem para seu sucesso a intercessão do Anjo da Guarda, de um Santo Protetor, de Jesus Cristo, da Virgem Maria e outros. A demonstração de gratidão deve ser abrangente e não será sacrifício nenhum. Basta acender sete velas em sete pires brancos diferentes e rezar assim:

   "Louvado seja Deus, pela graça que me concedeu de...(dizer qual foi a graça).Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo, por interceder por mim. Louvado seja o Espírito Santo, pela graça a mim concedida. Louvada seja a Virgem Maria, por interceder por mim, Seu filho em Cristo. Louvado(a) seja... (dizer o nome do Santo ou Santa), meu protetor e padroeiro, pela intercessão. Louvado seja meu Anjo da Guarda, protetor e guardião constante, pela sua intercessão. Louvadas sejam as Almas Benditas, sempre atentas ao sofrimento alheio e poderosas mensageiras da paz e do amor de Deus."

   Nota: As orações mais comuns, como o Pai Nosso e a Ave Maria também se prestam a manifestações de gratidão, muito embora pareçam apenas fórmulas repetitivas. Ocorre que muita gente não sabe rezar, não percebe que uma oração pode pô-la em contato com o plano superior. Ao rezar, não tentam viver essa experiência maravilhosa de estar em contato direto com o Reino do Criador.